UNITA reafirma aposta na reforma do Estado

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

A UNITA reafirmou na última terça-feira, em Luanda, que vai continuar a bater-se pela efectiva reforma do Estado.

Em comunicado, o Secretariado Executivo do Comité Permanente da Comissão Política do partido refere que essa questão é tão urgente quanto necessária.

O maior partido da oposição sublinhou a necessidade da criação em Angola de instituições que “sirvam, realmente, o cidadão, a liberdade e a democracia”.

No documento a que a Angop teve acesso, esta quarta-feira, o partido liderado por Adalberto Costa Júnior refere que a criação de instituições voltadas para o cidadão permitirá a conquista da estabilidade económica que, a seu ver, “tarda e todos ambicionam”.

Noutro domínio, a UNITA reitera a sua solidariedade e disponibilidade para continuar a dar uma contribuição positiva à prevenção e ao combate à covid-19.

Sobre o estado de confinamento, criado pela propagação da covid-19, a força política indica que “tem sido aproveitado pelo Governo para desenvolver” o que se chama de “estratégia de único protagonista político, para ofuscar a oposição”.

No comunicado, o partido representado por 51 deputados no Parlamento manifestou preocupação com o que considera “grave retorno ao Estado de partido único”, numa referência à recente criação do gabinete de inteligência e acção psicológica do Presidente da República.

Noutro domínio, a UNITA negou que o seu presidente, Adalberto Costa Júnior, esteja ausente do Parlamento por razões injustificadas.

Angop

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.