Mais três casos positivos na Praia elevam para 61 total em Cabo Verde

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

O Ministério da Saúde de Cabo Verde registou mais três casos positivos de coronavírus na cidade da Praia, elevando para 61 o número total no país, anunciaram hoje as autoridades.

Em comunicado, o Ministério da Saúde e Segurança Social de Cabo Verde indicou que os três novos casos foram identificados na sequência das medidas para identificação e seguimento de contactos de outros já registados na capital do país.

Os novos casos são um homem de 38 anos de idade e duas mulheres de 41 e 27 anos de idade, todos de nacionalidade cabo-verdiana.

Na mesma nota, as autoridades de saúde cabo-verdiana voltaram a apelar à população para o “cumprimento cabal” do estado de emergência, nomeadamente permanência em casa, evitando assim a possibilidade de propagação do vírus.

Com estes três novos casos, eleva-se o total de casos de infeção para 61 no arquipélago, desde 19 de março, altura que foi diagnosticado o primeiro.

Este é também o 9.º caso na capital de Cabo Verde, onde o Diretor Nacional de Saúde, Artur Correia, anunciou no sábado que está a enfrentar a primeira situação de transmissão comunitária de covid-19.

Os outros casos são distribuídos pelas ilhas da Boa Vista (51) e São Vicente (1). Destes, um já está recuperado e outro, o primeiro caso confirmado no arquipélago, um turista inglês de 62 anos, acabou por morrer.

O país iniciou no sábado um segundo período de estado de emergência, mantendo na generalidade as restrições de movimentos e de encerramento de empresas, bem como a obrigação geral de confinamento, em vigor desde 29 de março, mas diferenciado por ilhas.

Segundo determinação do Presidente da República, Jorge Carlos Fonseca, a prorrogação do estado de emergência é válida até às 24:00 de 02 de maio nas ilhas com casos de covid-19 diagnosticados e até às 24:00 do dia 26 de abril nas restantes.

A nível global, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 160 mil mortos e infetou mais de 2,3 milhões de pessoas em 193 países e territórios. Mais de 502 mil doentes foram considerados curados.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Lusa

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on email

Designed by nzaylakasesa,lda.