Higino Carneiro revela esquema de corrupção nas eleições de 2017

Partilhe

Informações postas a circular, ainda por confirmar, dão conta que o antigo governador de Luanda e homem próximo de José Eduardo dos Santos, o general HIgino Carneiro, fez revelações sobre esquemas de corrupção efectuados pelo MPLA nas eleições de 2017 que elegeu o actual presidente, João Lourenço.

De acordo com informações veiculadas pelo portal Club-k, que cita uma fonte policial, durante o interrogatório que teve lugar na terça-feira, dia 12, na Direção Nacional de Investigação e Ação Penal (DNIAP), o general Higino Carneiro sugeriu “que se a Procuradoria pretender, de facto, combater a corrupção, teria de convocar a então porta-voz da Comissão Nacional Eleitoral (CNE), Júlia Ferreira, e interroga-la sobre em que moldes o actual Presidente da República, foi declarado vencedor das eleições de 2017”, escreve o portal.

De recordar que, Higine Carneiro actualmente deputado na assembleia nacional pela bancada do MPLA, foi formalmente acusado e constituído arguido em processo que envolvem acusações de peculato, entre outros crimes, estando impedido de sair do país.

Facebook Comments

Partilhe