Dívida pública na África Subsaariana deve subir para 48,5% do PIB – FMI

Lusa




Partilhar

O Fundo Monetário Internacional (FMI) considerou hoje que o nível médio de dívida pública nos países da África Subsaariana deve subir para os 57% do PIB, com Cabo Verde a ser o país lusófono mais endividado.

No relatório ‘Perspetivas Económicas para a África Subsaariana’, hoje divulgado em Nusa Dua, durante os Encontros Anuais do FMI e do Banco Mundial, na Indonésia, os analistas dizem que a média da dívida pública em 2018 deverá ficar em cerca de 48,5% do PIB”.

A situação, avisa do FMI, varia significativamente de país para país, com Cabo Verde a ser não só o país lusófono mais endividado, como o africano com a dívida maior, valendo 130% do PIB, seguido de Moçambique, com 112,9%, este ano.

Comentários do Facebook

Partilhar
<script async src="//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js"></script>
<ins class="adsbygoogle"
     style="display:block"
     data-ad-format="autorelaxed"
     data-ad-client="ca-pub-7513151535689663"
     data-ad-slot="7531535151"></ins>
<script>
     (adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});
</script>