Angola deve crescer 2,1% este ano – Consenso da Bloomberg

LUSA




A economia de Angola deve crescer 2,1% em 2018, de acordo com a média das previsões apresentadas pela agência de informação financeira Bloomberg, que estima ainda que a expansão económica aumente para 2,5% no próximo ano.

A previsão dos economistas da Bloomberg, geralmente denominada por ‘Bloomberg Consensus’, é mais otimista que a estimativa dos analistas da FocusEconomics, que antecipam um crescimento do PIB do segundo maior produtor de petróleo angolano na ordem dos 1,9% este ano.

“A economia deve emergir da recessão em 2018 devido aos preços mais altos do petróleo, que são benéficos para o segundo maior produtor de petróleo na África subsariana”, escrevem os consultores da FocusEconomics na análise deste mês às economias africanas, enviada esta semana aos investidores e a que a Lusa teve acesso.

Os analistas da FocusEconomics esperam um crescimento económico de 1,9% este ano e uma aceleração para 2,3% em 2019, e depois uma subida para 2,8% em 2020 e 3,3% e 3,8% nos dois primeiros anos da próxima década.

O Governo angolano estima um crescimento de 2,2%, o que representa uma forte revisão face aos 4,9% que previa até junho.

Comentários do Facebook
<script async src="//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js"></script>
<ins class="adsbygoogle"
     style="display:block"
     data-ad-format="autorelaxed"
     data-ad-client="ca-pub-7513151535689663"
     data-ad-slot="7531535151"></ins>
<script>
     (adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});
</script>