Saara Ocidental

Argélia acusa Marrocos de ‘irresponsável’ em declarações sobre Saara Ocidental

A Argélia denunciou neste domingo o que chamou de “palavras irresponsáveis” do governo do Marrocos, que acusa o Irão de ajudar militarmente o movimento separatista do Saara Ocidental.

No último 1º de maio, o governo marroquino rompeu relações diplomáticas com o Irão, quem acusa de entregar, através do aliado Hezbollah libanês, armas à Frente Polisário, grupo que reivindica a independência do Saara Ocidental e tem o apoio de Argel.

“Em vez de mostrar as provas que afirma ter, o ministro marroquino decidiu seguir o caminho da mistificação e da fábula”, diz em comunicado Abdelaziz Benali, porta-voz da chancelaria argelina, referindo-se ao chanceler marroquino, Nassr Burita, que acusou em entrevista a Argélia de ter encoberto supostas reuniões em Argel entre a Frente Polisário e o Hezbollah.

“A Argélia quer expressar sua firme condenação e total rechaço a estas palavras irresponsáveis”, acrescentou o porta-voz.

A Frente Polisário, apoiada pela Argélia, exige a independência do Saara Ocidental, cuja soberania é reivindicada pelo Marrocos, que ocupa a maior parte daquele território desde 1975.

Comentários do Facebook
<script async src="//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js"></script>
<ins class="adsbygoogle"
     style="display:block"
     data-ad-format="autorelaxed"
     data-ad-client="ca-pub-7513151535689663"
     data-ad-slot="7531535151"></ins>
<script>
     (adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});
</script>