ECONOMIA

TAAG prevê comprar duas novas aeronaves com olhos postos em Hong Kong, Guanzhow, Londres e Paris

Partilhar

A TAAG, Linhas Aéreas de Angola, prevê adquirir, em 2021, duas aeronaves do tipo Wide Body, para o crescimento internacional da companhia, bem como aumentar as frequências e retomar os voos para Hong Kong, Guanzhow, Londres e Paris.

A informação foi avançada por José Kivingua, presidente do conselho de administração da TAAG, quando apresentava o plano estratégico da companhia para o período 2018/2022, no seminário metodológico do Ministério dos Transportes.

“Queremos fazer de Luanda um importante pólo de África, conectando as províncias de Angola e as cidades regionais de África com as principais cidades da Europa e América do Sul”, augurou.

De acordo com o responsável, a frota conta actualmente com 13 aeronaves, cinco Boeings 737-700, cinco B777-300EU e três B777-200ER. Com a aquisição das duas aeronaves Wide Body serão retirados de operação os B777-200.

Nos próximos três anos a companhia de bandeira nacional prevê aumentar o número de aeronaves na sua frota de 13 para 17, com aquisição de duas aeronaves Narrow Body Jet em 2019 e mais duas Wide Body em 2021.

Comentários do Facebook

Partilhar